terça-feira, agosto 12, 2008

Medo!

Medalha de prata em Atenas 2004, Francis Obikwelu mostra-se convicto de uma vitória em Pequim 2008. O atleta sente-se melhor do que estava nos últimos Jogos Olímpicos e garante que "só tem medo de Deus".

Sempre gostei do Obikwelu, até porque ele é atleta do meu clube, mas considero estranho ele confessar assim, à parva, o seu maior medo. E que esse medo seja Deus.

Primeiro, não percebo a razão de tal medo. Obikwelu é pecador? Duvido. Obikwelu é satânico? Não me parece. E Deus, tem algum interesse na final dos 100 metros? Não sei, afinal quem sou eu para questionar Deus acerca dos seus hobbys? Mas, sei lá, parece-me moralmente mais edificante que Deus intervenha na guerra da Geórgia do que na porcaria de uma prova dos Jogos Olímpicos. Todavia, mesmo dando de barato que Deus efectivamente tem interesse nessa competição em particular, por que é que haveria de desfavorecer o Obikwelu? Por sacanice? Por não gostar de pretos? Mas todos os outros competidores dos 100 metros são negros!...

Segundo, porque ter medo de Deus é ridículo. Que mal é que Deus pode fazer a um tipo? Espetar-lhe um raio no meio dos cornos? Ó pá, disso até os snipers portugas são capazes! Além disso, Deus já não é a entidade que era antigamente. Em tempos antigos, era um indivíduo dotado de omnipotência, omnisciência e outras omnias que tais. Actualmente, se quisermos olhar para alguém omnipotente, devemos levantar a vista não para uma sarça ardente ou para o céu e sim para o camarote do Pinto da Costa no estádio do Dragão; e se quisermos alguém omnisciente, nada melhor do que fazer uma viagem até Milão, onde se encontra "lo speziale", José Mourinho. Portanto, Deus há muito que se encontra ultrapassado. Só os coninhas é que O temem, e tenho pena de ver o Obikwelu, um atleta que eu tinha por macho, pois veio da Nigéria para Portugal e trabalhou nas obras antes de se lembrar de competir em provas de atletismo, armado em coninhas.

Homens à séria não têm medo de Deus. Homens à séria têm medo de coisas a sério. Eu, por exemplo, tenho medo de uma coisa bastante séria. Chama-se "defesa do Sporting". Só de pensar nela, fico cheio de arrepios... Brrrrr...

2 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Ainda mais porque o mito que Deus vê tudo é tanga, aquilo é uma corrida de 10 segundos, o mais certo é Ele pestanejar naquele momento...

Daniela Major disse...

Eu tenho medo do Fernando Mendes...ele tem medo de Deus. Deus se me cair em cima não me esmaga. Enfim. São gostos.