quarta-feira, julho 23, 2008

Ideias para séries de televisão!

Os acontecimentos da Quinta da Fonte estimularam, de tal modo, a minha imaginação, que fui levado - quase sem querer - a engendrar argumentos para programas televisivos. Considero que a aposta em qualquer uma das séries abaixo seria indubitavelmente ganha, tanto no que toca às audiências quanto no que respeita à crítica, pois a ficção portuguesa pode chegar ao grande público sem ser tolinha como os Morangos Com Açúcar nem irritante como o Prós e Contras! (Ai isto não é um programa de ficção?!?! Hmmm... desculpem lá, então)

Retenção na Fonte - O governo publica um decreto-lei que obriga as comunidades cigana e africana a pagar as rendas e os impostos. Há uma revolta no bairro e as duas comunidades unem-se para invadir a assembleia da República, com o apoio do Bloco de Esquerda, cujos deputados agem como agentes infiltrados. No fim, o parlamento é salvo graças à intervenção de chineses contratados pelo PS, os quais conseguem vender roupa cigana contrafeita (portanto, contrafacção de contrafacção) aos africanos e cachupa africana avariada aos ciganos, destruindo assim a aliança que se estabelecera entre as duas culturas.

Balada da Quinta da Fonte - Rui Pereira, o ministro da Administração Interna, é o chefe de uma equipa especial que tem por objectivo encontrar armas ilegais na Quinta da Fonte. Como os seus esforços se revelam infrutíferos, decide-se por contratar um freelancer, que não é outro senão Mário Machado, líder dos Hammerskins. Mas Machado tem os seus próprios planos: ficar com as armas para si e utilizá-las para exterminar ciganos, africanos, judeus, muçulmanos, ucranianos, indianos, paquistaneses, chineses, romenos, brasileiros, cubanos, tobaguenhos, australianos, australopitecos...

Quinta da Fonte Break - A série acompanha dois irmãos ciganos que se escapam da Quinta da Fonte. Porém, um grupo de seguranças de uma discoteca africana sai-lhes ao encalço, com o único fito de capturar os irmãos e trazê-los de volta ao bairro.

A Quinta dos Animais - Adaptação actualizada da fábula de George Orwell, mas em vez de porcos, burros, patos, bois, galinhas e cães, temos ciganos e africanos. Outras espécies de animais, portanto.

Gente que manda nas televisões: do que estão à espera?! É pegar nisto, e já! Eu prometo que não cobro muito pelos direitos de autor...

5 comentários:

Skynet disse...

Boas,

Acho que qualquer uma dessas séries faria um enorme sucesso. Mas podíamos fazer ainda reality shows com tiroteios em directo. Ou ainda concursos ao género "Sabe mais de armas do que um cigano de 10 anos" xD

Só mesmo com humor para falar sobre as barbaridades a que se assistiu durante estes dias...

Peter of Pan disse...

Reality Shows e Concursos também são uma excelente ideia!!!!!

:)

Rafeiro Perfumado disse...

Posso sugerir antes filmes?

- Atrás das Linhas da Fonte
- Feios, porcos e na Fonte
- Babel (versão reduzida)

Abraço!

Ilda disse...

Eu aposto na tua ultima ideia!!!

Peter of Pan disse...

Racistas!!!!