terça-feira, setembro 01, 2009

Pela primeira vez na história deste blogue (e, já agora, na história da minha vida), defende-se o José Sócrates!

Depois do título, já sei que ninguém vai ler este post, mas mesmo assim escrevê-lo-ei. Não, não tomei qualquer substância psicotrópica. Não, não me foi prometido um cargo no governo. E não, também não enlouqueci. Mas então por que carga de água venho aqui, hoje e agora, defender o Sócrates?!?!

Porque alguém com bom senso e independência política tem de responder àquelas idiotices lançadas recentemente por aquela coisa esquisita que lidera o PSD. A avózinha criticou há dias o primeiro-ministro, acusando-o (e cito de memória) de "estar a destruir a família, esse pilar da sociedade"! A Manecas proferiu estas palavras sem vergonha alguma na cara, ou lá o que é aquilo que ela possui acima dos ombros, em vez de se preocupar em fazer alguma coisa de jeito àquele cabelinho.

[um aparte: na vossa opinião, quem possui um penteado mais ridículo? A MFL, o David Luiz, o Miguel Veloso ou o Nuno Gomes?!]

Vamos lá então ver uma coisa: eu desconfio sempre de alguém que garante ser a família o pilar da sociedade. E sim, torço sempre o nariz aos paladinos e defensores dessa categoria; não sei se é por ter visto muitos filmes e séries do género quando era mais novo, mas ficou sempre cá muito bem interiorizado na minha cabecinha que "Família" é coisa de mafioso, e portanto desejar que isto seja o pilar da sociedade é algo muito corleonesco. Bem sei que o PSD teve o Isaltino, o Valentim, e ainda tem o Dias Loureiro, entre outros, mas quero acreditar que nem toda a gente neste partido alinha pelo diapasão siciliano. A começar pela Manecas Ferreira Leite, que pode ser idiota (e é), incompetente (e é), burra (e é), conservadora (e é), infernalmente horrível e horrivelmente infernal (e é), mas não me parece ser mafiosa...

Além dos mafiosos, há outra classe de gente que adora defender a família: os padrecos e as freirinhas católicos. Paradoxalmente, esta classe NÃO tem família, uma vez que não lhes é permitido contrarir matrimónio ou gerar descendência. Quando um padre ou uma freira vêm defender a família, é um pouco como se o Bruno Alves viesse defender o fair play ou a Elsa Raposo a monogamia. Não joga bem, pronto!

Mas vamos dar de barato que sim, a Manecas, os mafiosos e os padrecos têm razão e a família é mesmo o pilar da sociedade, devendo ser defendida com unhas e dentes. Em que ponto é que as ideias do Sócrates atacam, como defende aquele cruzamento de uma marciana com um jericó mutante, a família? Mais explicitamente: as bandeiras sociais do PS, nomeadamente o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a nova lei sobre as uniões de facto, constituem o fim da família?!?

Qualquer pessoa minimamente racional e com um cabelo normal terá de responder não. Dois nilas que resolvam casar-se atacam tanto a noção de família quanto o bigode do Luís Filipe Vieira afecta os dentes da Carolina Patrocínio. Um gay, quando pretende juntar-se com outro gay, está a querer atacar algo, sem dúvida, mas não é a família e sim a anilha do companheiro! E uma lésbica que se junte com outra lésbica faz mais pelo meu "pilar" do que todo o programa de governo do PSD! Portanto, a MFL que se lixe!

Por último, as uniões de facto são tão lesivas para a família quanto a decisão de uma pessoa em morar sozinha. Um gajo ou gaja que queiram morar sozinhos não constituem família, pois não?!? Mas é isto ilegal?! Claro que não! Não vejo a Manecas a querer, à força, que se impeça alguém de viver sozinho. Mas viver sozinho é menos "família" do que duas pessoas que pretendem levar uma vida juntos sem contrair matrimónio! Ou do que duas pessoas do mesmo sexo que queiram casar-se. Se a Manuela Ferreira Leite fosse coerente e tivesse tomates (e eu sei que, algures naquele amontoado de ossos, músculos e nervos que só por boa vontade se pode chamar "corpo", existem tomates), estaria, em lugar de mandar javardices sobre o casamento gay e a união de facto, a lançar ataques a esses misantropos que escolhem viver sozinhos, evitando assim discussões conjugais, chatices com filhos, divisão de patrimónios, partilha de espaços, e etc! Cambada de cabrõezecos...

10 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Pssst, a gaija é divorciada...

Quanto ao teu aparte, decididamente o Miguel Veloso, uma vez que é o único jogador do SCP na lista fornecida.

Abraço!

)0( disse...

Quanto a mim, nada bate o cabelinho do Paulo Bento.

Inês Brito disse...

Confesso que me assustei imenso quando li o título... Ontem ouvi o Pedro Laginha a gozar com a Carolina Patricinio, mas entre dentes. Se calhar o bigode do outro jeitoso afectou-lhe mesmo.

Bj,
(i)

S* disse...

ahahaha

Venha o diabo e escolha. Eu nem sei como escolher!

de Marte disse...

pan,
ganda post.
A necas é a nossa "dama de ferro", só que é de alumínio.
De folha de alumínio. Daquela para enrolar sandes, fazer papelotes para ir o forno ou queimar coisas esquisitas, na rua.
O pior é que há por aí muito boa (!) gente (!) que vai votar nessa senhora...

Pulha Garcia disse...

Caro Peter of Pan,

Eu sou de Direita e acho muito bem que exista uma equiparação de direitos entre o casamento e as relações de facto. A MFL apenas deu a opinião dela sobre um assunto pessoal.

Questão diversa e seguramente mais importante é quem é que é o melhor governante para o País, para a nossa economia, para o nosso emprego, para a utilização dos nossos impostos. Se um mentiroso compulsivo que nem sabemos se é de facto engenheiro, se uma economista que pode não ser bonita mas que tem rigor nas contas públicas.

PS- Adoro Viena; fizeste-me sentir cheio de saudades...

Peter of Pan disse...

@Rafa: faccioso! Aquilo que o David Luiz apresenta em cima da cabeça devia ser considerado crime!

:)O(: cala-te, traidora!!!

@Inês Brito: gozar com a Carolina devia ser elevado a missão nacional.

@S*: bem sei. Eu já escolhi: não escolho!

@de Marte: os que votam na Manecas bem podiam ir para Marte... e levá-la!

@Pulha: E eu sou de Esquerda, mas isso não quer dizer que vá votar no Sócrates, no Jerónimo ou no Louça. (porque não vou!) A Manuela deu a opinião dela sobre uma questão social, e eu limitei-me a debitar uma opinião pessoal acerca da opinião dela, ofendendo-a sempre que possível porque, tal como tu, também sou um pouco sacana!

Quanto ao segundo ponto que colocas, eu não considero a Manecas melhor governante que o Sócrates, mesmo na questão que para ti é tão cara, a da economia. Atenção, não estou a dizer que o Sócrates é bom (livra!!!), digo apenas que a MFL não será melhor. Em termos de economia, a única coisa concreta e minimamente credível que a líder do PSD propôs foram os apoios às PMEs. Ora, isto, por mais importante que seja, não basta para relançar a economia nacional, pois as PMEs são apenas uma parte da engrenagem. E rigor nas contas públicas teve o PS antes de 2008, e foi o que se viu...

Pá, Viena é uma cidade a revisitar, definitivamente!

Rachelet disse...

Se dependesse dessa senhora (?) nem teríamos direito ao divórcio. Acredito até que seja daquelas que censura as mulheres que denunciam os maridos por maus tratos ou por casos extra-conjugais.
Afinal, era suposto, segundo os padrescos, amar no melhor e no pior, mesmo quando o pior é uma bela clamídia ou uma sova com uma saca de laranjas).

Aliás, não é essa mesma senhora (?) divorciada?

subtilezas disse...

eram uns anitos sem democracia e a coisa ia ao lugar. essa necas é obra! de uma maneira ou de outra estamos fodidos. venha o diabo e escolha. esquerda ou direita, estamos perdidos.

um dos filmes da minha vida tem este plot: "family is not a word, it's a sentence" (q em inglês fica muito melhor).

eu sinceramente não entendo esta cena anti casamento gay. pessoalmente sou contra o casamento, mas não tenho nada contra quem se quer casar, desde que não seja comigo.

i will be back soon*




nuno gomes, sem dúvida, o david luiz nem sei quem é, mas o nuno gomes é patético.

Peter of Pan disse...

@Rachelet: não sei onde vai o conservadorismo dela, mas é capaz de ir até onde tu dizes.

@Subtilezas: aguarda-se o teu regresso, depois não esqueças de avisar. Ah, e o David Luiz (outro jogador lampeón) tem um penteado mais ridículo que o Nuno Floribela. Lembras-te do Sideshow Bob dos Simpsons?!? Pois... o cabelo do David Luiz parece aquilo...