quarta-feira, novembro 04, 2009

Eu vi, eu vi... eu juro que vi

um amish a passear impunemente pelas ruas do nosso país. Desconhecia, até hoje, que pudessem existir membros desta comunidade em Portugal, mas pelos vistos eles andam por aí. Aquele que vi hoje pode muito bem não ser o único, ou pode até ser uma espécie de batedor que foi mandado para cá com o objectivo de reconhecer o terreno. Que quererão eles?! Transformar Portugal num país conservador através de uma aliança com a Manuela Ferreira Leite? Ou estão a equacionar substituir a Maçonaria como a seita mais parva a ser levada a sério no nosso país? Se for esta última hipótese, os militantes do PS passarão a deixar crescer a barba e a andar com um chapéu antiquado em cima da carola? Será possível que queiram transformar os congressos socialistas e, quiçá, a própria Assembleia da República nisto?:


Não é que eu esteja propriamente com medo, mas lá que acho esquisito vir a ter de conviver com esta gente, ai isso acho. Só ficarei mais descansado - até mesmo entusiasmado - se com eles vier a Kelly McGillis (vá, não me digam que nunca viram A Testemunha...).

2 comentários:

Daniel Silva (Lobinho) disse...

É imperativo isto:

Gostaria que deixasses no post abaixo a tua presença, para um jantar informal onde as tuas ideias para o mesmo serão bem vindas. Vá lá. Vai ser bonito e podes levar quem quiseres (ou não). O rafeiro vai :)

Obrigado. O convite é extensivo a quem mais quiser ir.


http://sairdaspalavras.blogspot.com/2009/11/jantar-de-bloguistas.html

Trinca Espinhas disse...

Oprah faz uma pergunta a uma Amish:
"Não achas estranho viver e foder sempre com o mesmo homem durante toda a tua vida?"
Resposta: Não. Estranho seria andar a rodar pelo pessoal..."

(fonte: oprah show. texto: adaptado)
Não sei porquê, soa-me bem a resposta da bacana...