segunda-feira, junho 08, 2009

E agora, para variar das normais estupidezes, um pouco de filosofia política

Consta que ontem se realizaram no nosso país as eleições para o parlamento europeu, local para onde vão os políticos que não se quer que fiquem cá a chatear, e essa é uma razão que me faz pensar ser a União Europeia realmente uma boa ideia. É sempre bom quando podemos recambiar para Bruxelas ou Estrasburgo gente que não queremos cá nem pintada de ouro; pela minha parte, só tenho pena que o Sporting não seja um partido político, impedindo assim que Miguel Veloso ou Yannick Djaló sejam candidatos ao PE.

Os resultados oficiais são estes:
Partido do gajo que não reconhece direitos aos animais e da gaja que é uma Margaret Thatcher à portuguesa, mais mais feia, se é que isso é possível - 31%

Partido do único candidato com bigode (a Manuela Ferreira Leite não era candidata) e do gajo que saca licenciaturas por meio de fax - 26%

Partido do gajo que é irmão de outro gajo de outro partido e do gajo que tem uma queda para ideias trotskistas mas sabe escolher a dedo as gajas para o partido - 10,7%

Partido da gaja que repete as mesmas lérias de há um século atrás e do gajo que repete as mesmas lérias de há um século atrás - 10,7%

Partido do gajo que é muita beto e do gajo que é irmão de outro gajo de outro partido - 8%

E de toda esta informação, aquilo que salta logo à vista é o caso do último partido: o CDS. Todos assitimos à revolta do CDS face às sondagens que, invariavelmente, apresentavam o partido com 2 a 3% da intenção de voto. E o CDS chega às urnas e pimba, 8%. Houve até quem, dentro do partido, falasse em processar as empresas de sondagem. Afinal, qual é o motivo por detrás de tanta discrepância: porque é que o CDS nas sondagens tem números pífios e, nas urnas, torna esses números um bocadinho menos pífios? Será conspiração? Quererá alguém mal ao partido do Portas? Haverá alguém, dentro das empresas de sondagem, que nutre um ódio de morte a betos católicos? (aviso já: não faço parte de nenhuma dessas empresas!)

Creio ter a resposta, que descobri (leia-se: inventei) após 2 segundos de dura reflexão e um peido bem dado enquanto o Nuno Melo discursava. E a resposta é esta: nas sondagens, os números do CDS são baixos porque a maior parte das pessoas tem vergonha de dizer que irá votar CDS! É esta a razão. São poucos os que gostam de admitir que simpatizam com um partido de betos e de meninos da mamã. Não fica bem, pronto, e apesar de as sondagens serem anónimas, uma pessoa minimamente responsável tem sempre certos pruridos em confessar, ao telefone, que vai pôr a cruzinha naquele partido.

Para mostrar melhor o que está aqui em questão, servir-me-ei de uma analogia: imaginem que eu procederia a uma sondagem sobre a vossa intenção de realizar 1 das 5 seguintes fantasias sexuais que se seguem

A - mascarar-me de Batman (para ele)/de Wonderwoman (para ela)
B - usar cuecas comestível (para ele)/lingerie comestível (para ela)
C - menage a trois (um-duas para ele, uma-dois para ela)
D - ter sexo no antigo quarto dos pais, mesmo que a casa já tenha sido há muito vendida a outras pessoas
E - levar com a urina dele/dela na cara

Sejam sinceros: quantos de vocês teriam a coragem de responder E, mesmo que fosse essa a fantasia de que realmente gostassem? (tarados do caraças, é o que vos digo. Vocês são doentes). Pouquíssimos, acredito, porque é uma coisa tão estranha e fora do aceitável que admiti-la é cair no risco de se ser ridicularizado. Ora, passa-se o mesmo com os eleitores do CDS: escondem a sua intenção de voto para não ficarem mal vistos, sendo que aquilo é tudo pessoal que preza muito as aparências. Afinal, quem gosta de ser associado a um partido que é composto de gente com camisa desabotoada em cima e penteado à totó de Cascais? Ninguém, mas quando se trata de ir às urnas, toma lá, há sempre quem ponha a cruzinha no partido beto e depois volte para casa e festeje a sacanice a levar com mijo mesmo no meio das trombas!

No fundo é isto. As pessoas têm vergonha de dizer que são do CDS, e só saem do armário no dia das eleições, porque ninguém está lá para ver onde é que botam a cruzinha. É isso que explica a diferença de números.

Só tenho uma coisa a dizer aos eleitores que votaram CDS: assumam-se, pá! Não tenham medo! Hoje em dia, já não se discrimina ninguém só porque vota no CDS. Isso já teve o seu tempo! Hoje em dia, um simpatizante deste partido já é olhado como alguém normal. Já pode andar no meio das pessoas sem receio de ser marginalizado. Votar no CDS já obtém a mesma reacção que fazer convites a treinadores espanhóis para treinar o Benfica: já se sabe que vai dar merda, mas não é preciso gozarmos as pessoas por causa disso. Os tempos de agora são outros, mais tolerantes, e isso implica que até os eleitores do CDS são tolerados.

Embora eu, pessoalmente, por vezes tenha vontade de meter toda e qualquer pessoa que vota CDS num avião da Air France... mas isso sou eu, pronto!

7 comentários:

Inês Brito disse...

O Paulinho deve ter subornado o pessoal da Católica (supostamente os melhores sondadores do pais) com um comboio ou assim, já que com submarinos não tem credibilidade.

Bj,
(i)

Ilda disse...

Nesse avião deviam tb seguir os sportinguistas e simpatizantes, o Sócrates e a sua comitiva e os todos os gajos que se peidam enquanto refletem acerca de politica e obrigam quem está ao lado a levar tanto com uma coisa como com a outra, é que o cheiro é semelhante! Uma merda é o que te digo!

Catwoman disse...

Ufaaaaaaaaa!!!

Quando li o titulo até me assustei pensei que era um post sério :) mas depois ao continuar a ler fiquei mais descansada, continuas com a parvoice de sempre yuppiiiiiiii!!

Aiii o quique...... :(

Beijinhos :)

francis disse...

ahahahahahahahahahahah
é dificil um gajo assumir no Portas pá, acho que não é tanto pelo partido mas sim pelo cromo.

Peter of Pan disse...

@Inês: o Paulinho não suborna ninguém. Só assedia.

@Gaja: o que será pior? A merda ou o CDS? A minha opinião já tu sabes...

@Catwoman: não te preocupes. Nada de sério sairá daqui!

@Francis: sim, mas por outro lado é difícil desligar o partido do Portas, e o Portas do partido.

Peixe Frito disse...

Sobre política, lamento mas não comento... senão revolto-me e olha que eu do avesso não sou nada bonita eheh ;)Fetiches cada um têm o seu, mas de facto, a mim transcende-me o da "Chuva Dourada" - a começar pelo nome LOOOOOL ;) Foi uma bela comparação, a tua eheheh :)

Rita disse...

Eu votei no Nuno Melo sim, e depois??? Mete-me lá num avião da AirFrance com destino à Polinésia Francesa a ver se me importo...
Jokas