quinta-feira, janeiro 07, 2010

O Ataque das Formigas-Totós (2)

Há uns tempos atrás, noticiei aqui que a casa havia sido invadida por um grupo de formigas muito, digamos, especial, e por "especial" queria dizer que as formigas eram idiotas que nem um deputado eleito pelo CDS/PP.

Ora, parece que elas estão de volta, e isto constitui para mim um choque, por vários motivos. Em primeiro lugar, comprova que o mundo é mesmo dos estúpidos, sejam eles humanos ou insectos. Não compreendo como é que formigas com tão pouca inteligência, comprovada pelo facto de, em lugar de atacarem os doces, terem feito da gaveta dos talheres o seu quartel-general (alguém já alguma vez viu formigas assim?!?), sejam capazes de sobreviver, tal como não compreendo como é que o José Sócrates foi reeleito primeiro-ministro. São estas coisas que me fazem duvidar da teoria darwiniana da evolução natural: as espécies mais aptas a sobreviver não são as mais evoluídas, são sim as mais estúpidas. Também por isso é que há tantos benfiquisas e portistas, valha-me Liédson...

Em segundo lugar, a re-invasão do formigueiro comprova que tudo o que nos foi ensinado na escola está errado! A mim, fora-me dito que as formigas trabalhavam arduamente no Verão, para descansarem durante todo o Inverno. Pois é: lá em casa, as formigas-totós andaram quietinhas no Verão, e agora no Inverno é que se decidem por passear impunemente. A única explicação que encontro para isto é elas serem formigas emigradas da América do Sul, onde agora é Verão, e o que se passa é ainda não terem tido tempo de se adaptar às estações do hemisfério norte. O problema é que não sou capaz de demonstrar esta tese porque, quando falo em português do Brasil com elas ("Qué qui cês tão fazendo aqui, suas furmigas filhas-da-puta?!?") ou em espanhol ("Hormigas hijas de puta, qué coño hacen en mi casa?!?"), elas pura e simplesmente ignoram-me e não respondem. Além de estúpidas, são arrogantes, as malandras.

A pergunta que fica é: este flagelo desgraçado só existe na minha casa, ou na vossa também há bicharada parva deste calibre?!?! Sei lá, não precisam de ser formigas totós, podem ser umas moscas beatnicks, umas baratas sindicalistas, uns percevejos armados em intelectuais!... Alguém tem destas coisas esquisitas?! Ou só a minha casa é que foi contemplada?!

3 comentários:

Ilda disse...

Eu acho que aquelas formigas são do "contra" como tu!!! Dai terem-te escolhido para uma visitinha!

Pulha Garcia disse...

Considero as formigas com um QI mais alto do que a maior parte da malta do PP.



PS- O video do pequenote a aviar na malta toda está muito fixe...

Peixe disse...

Por estas bandas, o formiguedo também anda todo maluco. Só pode haver um rato morto debaixo dos tacos, porque aqui não há nada que elas possam comer, a não ser que sejam arraçadas de chineses e comam tudo o que têm quatro patas. Pera lá... Mesmo assim... As cadeiras aqui tem rodinhas... E as mesas têm apenas dois pés dobrados... (pausa) devem ser primas dessas tuas formigas! Formigas louras! ahahah
Beijinhos.
P.S.: É verdade... Bom ano! :)